adulto sapiens

Respeito e limite entre pais e filhos

O que fazer quando a pessoa que você mais ama no mundo, tira você do sério e te faz perder o controle das emoções?!

Pare, sente-se e respire! Mas respire lenta e profundamente, algumas vezes.
Isso realmente funciona, faz com que você acalme as emoções, os hormônios e o principal: evita uma atitude que você possa se arrepender depois.

Como mãe, sei que às vezes parece que não vamos nos conter com tanta birra e falta de respeito. O meu filho mais velho de 2 anos e 4 meses, insiste em dizer “não” pra quase tudo e quando fica bravo mesmo, levanta a mão pra mim. Já usei várias técnicas com ele e nada deu resultado positivo. O que resolve mesmo é eu sair de perto, respirar e depois quando volto ele já está todo amoroso de novo.

O que eu entendo sobre isso é que realmente não existe receita para um educar filho, nem para acabar com as birras. Não acho que isso seja normal. O normal é ser feliz e estar tudo bem.

Existe ali um ser humano descobrindo o mundo, descobrindo que é capaz de fazer escolhas e que tem uma personalidade bem definida desde cedo. E eu tive a sorte de ser a mãe escolhida por ele. Então dou o suporte para que ele aprenda que limites existem, e esses, devem ser respeitados.

Percebi a importância de se fazer uma leitura do cotidiano familiar, ensinando um filho a respeitar e a conhecer os seus limites. Isso depende também se você conhece os seus, e se você o respeita como ser humano. Experimente ao final do dia pensar em tudo o que vocês fizeram.
Também funciona muito bem, gravar um áudio de um momento em que passaram juntos, um tempo corriqueiro. Compreender esse tempo “normal”, pode trazer revelações surpreendentes, mostrar quem somos e também como agimos.

Eles crescem rápido demais e quanto mais amor recebem enquanto crianças, pessoas mais bem resolvidas serão na vida adulta, com relacionamentos muito mais harmoniosos.

Os nossos filhos são reflexos de nós mesmos, se algo não vai bem com os pais, com certeza com os filhos acontece o mesmo. Mas isso já é assunto para uma outra conversa, daqui um breve momento.

O próximo texto será sobre a “sonoterapia”, ela funciona assim como o amor!!!

–Fabiana Castro Ostjen–

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s